26 abril 2009

ALIEN SQUAD



Formados em Leiria em 1988 por Cláudio (guitarra), Pedro Cabunje (bateria), Paulo Pessanha (voz), Moura (baixo) e Cab (guitarra), chamaram-se inicialmente Alien Spider Webs em homenagem aos Alien Sex Fiend. Dessa altura pouco mais ficou para além de dois temas: "Raging Boys Transformation" e "Police on the Streets". E assim se chegará ao dia 12 de Novembro de 1989, data que marca o início oficial do projecto Alien Squad, tal como durante muito tempo o entendemos. Paulo Pessanha, que entretanto comprara uma guitarra, passa a assumir apenas o seu uso, ficando o projecto com dois guitarristas. Progressivas reestruturações no line up do grupo levarão à formação definitiva ou, pelo menos, mais estável: Cláudio (voz), Xano (baixo), Hugo (bateria) e P.A. (guitarra). Os Alien Squad foram uma banda de crossover, entre o hardcore e o trash metal, da década de 80. O primeiro registo oficial do grupo, intitulado "From Alienation to An Alien Nation" é editado apenas em 2000 e procurava resumir musical e politicamente a sua primeira década de existência, compilando os melhores temas escritos durante esse período. No encarte do CD, os melómanos eram inclusivamente avisados para o facto de alguns dos temas poderem soar datados. O teor das suas letras era basicamente de cariz sócio-político, disparando em todas as direcções mais ou menos estereotipadas do punk e do crust: guerra, religião, racismo, degradação ambiental ou as atrocidades a que os animais são submetidos. Se no álbum de estreia a banda assumia uma postura punk e mostravam ter de percorrer ainda um longo caminho (tanto no campo instrumental como no da produção e até lírico), no seu segundo trabalho surgem mais coesos e estruturados, enveredando por uma sonoridade mais trabalhada, erguida sobre estruturas thrash/core, mas sem nunca perder a toada punk/crust. Denotavam, para além disso, maior desenvoltura e uma óbvia evolução técnica, lírica e de composição (se bem que, na generalidade, os temas soem algo previsíveis e repetitivos). Mantendo (e mesmo elevando) o nível de crítica social, o colectivo não poupava os políticos, os efeitos perniciosos da tecnologia ou os ecologistas da moda. Mais cuidadas, as letras assumem agora um papel de destaque. Num laivo de inspiração, os Alien Squad decidiram inovar, encerrando o álbum com três interessantíssimas versões de originais seus, assinadas por outros tantos grupos – os Plastik Leiria Bombers, os R8374C e os Seas of the Moon. De realçar também que os Alien Squad foram a segunda banda punk em Leiria, depois dos Jesus Morto Da Cruz e que, na década de 90, três dos seus elementos fundaram os Injusticed League, outro projecto também muito respeitado.

DISCOGRAFIA


OFF-TWO-THREE-SHOCK! [Tape, Edição de Autor, 1994]


FROM ALIENATION TO AN ALIEN NATION [CD, Anti-Corpos DIY, 2000]


SONS OF A SWITCH [CD, Anti-Corpos DIY, 2002]


ORDER NOT GOVERNMENT [CD, Anti-Corpos DIY, 2005]

COMPILAÇÕES


ATAQUE FRONTAL [2xCD, Impulso Atlântico, 2008]

PRESS
Os Libertários de Leiria, Pedro Trigueiro, Rock Sound nº 5, 03-2003

0 comentários: