25 abril 2009

OS CHINCHILAS



Banda oriunda do Porto que existiu entre 1965 a 1972 e que foi liderada pelo guitarrista Filipe Mendes, apelidado de "Mendrix" devido à admiração que sempre teve por Jimi Hendrix. Outros elementos foram Vítor Mamede Reis (bateria, mais tarde ligado à televisão), José Machado (aka Zé Chopin, teclas, que mais tarde foi director da programação musical do Casino Estoril) e Alfredo José Azinheira (baixo, futuro membro dos Ferro & Fogo). Em 29 de Agosto de 1966 conquistaram, no Teatro Monumental em Lisboa, o 6º lugar do Concurso Yé-Yé, organizado pelo Movimento Nacional Feminino. Actuaram então Carlos Bastos (guitarra), Vítor Mamede (bateria), Alfredo José (baixo), José Machado (pianista) e Mário João (viola-solo). Filipe Mendes tinha tocado na formação que, em Dezembro de 1965, havia participado numa das eliminatórias do certame. Em 1967, os Chinchilas editam aquele que foi o seu maior sucesso, uma versão de "I'm a Believer", tema original dos The Monkees. Nessa fase, o projecto era constituído por Filipe Mendes (guitarra, voz), Salvatore Klumbos (guitarra), José Machado (orgão), Alfredo José (baixo) e Vítor Mamede (bateria). Em 1968 editam "Calmas São as Imagens", um disco cuja capa não é conhecida, o que poderá induzir tratar-se de um disco para divulgação radiofónica. Nessa fase, eram formados por Filipe Mendes (guitarras e voz), Zézinho Machado (Vox Continental), Alfredo Azinheira (baixo) e Vítor Mamede (bateria). Em 1969, Ao entrar para a tropa, Filipe Mendes foi obrigado a acabar com os Chinchilas. A falta de quem o acompanhasse e como o músico tocava vários instrumentos, decidiu gravar um disco sozinho. Intitulado "Urso Ki", surgiu em Junho de 1969 associado a Filipe Mendes-Os Chinchilas. Em 1970 o projecto é reactivado. Edita "D.João" pela Tecla e vence o Concurso Barbarella'70, realizado em Palma de Maiorca, com muitas bandas de prestígio em concurso. Fortemente influenciados pelos Cream e Jimi Hendrix, foram pioneiros do rock psicadélico em Portugal. O grupo teve várias fases muito distintas e por ele passaram outros músicos como Luís Pedro Fonseca (teclas, futuro Salada de Frutas e Banda Atlântica) ou Carlos Pereira (voz, futuro Salada de Frutas). Tocaram no primeiro Festival de Vilar de Mouros em 1971, um ano antes do grupo se dissolver.

DISCOGRAFIA


I'M A BELIEVER [7"EP, Tecla, 1967]


CALMAS SÃO AS IMAGENS [7"Single, Tecla, 1968]

RING STONE EYES [7"Single, Tecla, 1969]


D.JOÃO [7"Single, Tecla, 1970]

COMPILAÇÕES


LISBON GOES POP [LP, Vértice, 1969]


BIOGRAFIA DO POP-ROCK [2xCD, Movieplay, 1997]


MUSIC BOX 60'S 11 [CD, JN/Movieplay, 1997]


PORTUGUESE NUGGETS 01 [LP, Galo de Barcelos, 2007]


THE WILD 60'S SOUNDS FROM PORTUGAL [LP, Galo de Barcelos, 2007]


PSYCHEDELIC PORTUGAL [LP, Lysergic Emanations, 2008]

0 comentários: