05 julho 2009

THE UNPLAYABLE SOFA GUITAR



Decorria o ano de 2001 quando o produtor Paulo Miranda (ex-Croix Sainte, ex-Frakturados, Infinite-E) convidou alguns dos seus muitos amigos ligados a outras bandas para o virem visitar aos seus AMP Estúdios em Viana do Castelo e cada um, isoladamente e num único take, interpretarem e enriquecerem os esboços de temas que o primeiro havia gravado. A ideia, apesar disso, seria apenas brincar um pouco essa matriz e não gravar, sobre-produzir ou mesmo lançar o trabalho comercialmente. Porém, as demos resultantes dessas sessões, chegaram um dia às mãos e ouvidos de Francisco Pinho, o mentor da Independent Records que, pronta e insistentemente, as desejou editar sob o formato de CD numa bem sucedida edição de 1500 exemplares. Desta forma, o primeiro disco viu a luz dos escaparates em 2002 e teve sucessor em 2005 através do segundo volume do projecto, intitulado "Rocky Grounds, Big Sky". Após uma redução dos iniciais oito elementos para quatro membros, a banda conta com Ana Figueiras (guitarra acústica, voz, guitarra eléctrica), Ana Lopes (acordeão, voz), Francisco Silva (guitarra acústica, banjo, voz, Old Jerusalem) e Paulo Miranda (guitarra eléctrica, guitarra acústica, sintetizador). A sonoridade do projecto é inspirada na folk e na country-music da América do Norte, com sonoridade low-fi, podendo situar-se no que se designou chamar de "alternative country". Libertando-se de todas as teias estilísticas que eventualmente prenderiam a sonoridade do grupo aos bons resultados alcançados em 2002, despido de elementos abandonando a bateria e o baixo, a actual sonoridade The Unplayable Sofa Guitar inspira-se cada vez mais na sonoridade despida da folk americana, do blues do Delta e do punk-rock. O primeiro album foi distinguido como um dos 12 melhores de 2002 pelo semanário musical Blitz e foi banda do mês, na FNAC, em Julho do mesmo ano. O album de 2005 «Rocky Grounds Big Sky» recebe também distinção geral da crítica situando-se em 11º na lista de melhores álbuns do ano. Consta que nele participaram músicos dos Old Jerusalem, The Legendary Tigerman, Mécanosphère, Norton, Alla Polacca, Alexandre Soares e Jorge Coelho ou Lobster. Após uma passagem pelo palco de Paredes de Coura em 2005 e depois de mais algumas dezenas de concertos, 2006 foi ano para nova pausa e 2007 foi ano de produção para o que poderá, eventualmente, vir a ser um terceiro album a editar durante 2009.

DISCOGRAFIA


THE UNPLAYABLE SOFA GUITAR [CD, Independent Records, 2005]


ROCKY GROUNDS, BIG SKY [CD, Bor Land, 2005]

COMPILAÇÕES


YOUR IMAGINATION [CD, Bor Land, 2002]


SIGH [CD, Bor Land, 2003]


CD1MH [CD, Bor Land, 2004]


PRESS PROMO 2004 [CDR, Bor Land, 2004]


DIVERGÊNCIAS.COM [CD, Independent Records, 2004]


PRESS PROMO 2005 [CDR, Bor Land, 2005]


CAN TAKE YOU WHERE YOU WANT [2xCD, Bor Land, 2005]


NOVO ROCK PORTUGUÊS [2xCD, Chiado Records, 2007]

PRESS
Para o Rock, Pelo Country, Rodrigo Affreixo, Blitz nº 926 de 30-07-2002
Como um Sussurro de Sofá, Eduardo Sardinha, Blitz nº 932 de 10-09-2002
O Oeste é Onde Estiveres, Eduardo Sardinha, Blitz 1063 de 15-03-2005

0 comentários: