09 abril 2010

THE OTHER SIDE



Há um som que nunca chegou a morrer. Há um som que triunfou no seu tempo e que ainda faz furor nestes dias. Trata-se do negro som dos anos 80. Aquele som que educou gerações, criou cultos e serviu de inspiração para novas bandas que ainda hoje surgem. Estamos diante de um caso desses. Uma nova banda que surge e que não passa despercebida e indiferente às suas influencias dos gloriosos anos 80. Peter Murphy, Joy Division ou The Sisters estão nas prateleiras da sala de ensaios desta banda. São de Castelo de Paiva e chamam-se The Other Side. Uma banda constituída por Jóni Vieira (voz), Ricardo Vieira (bateria), Hugo Teixeira (guitarra), Nuno Couto (baixo) e Jorge Ferreira (sintetizadores). Nasceram em 1998 e por entre inúmeras participações em concursos de música e algumas edições para consumo caseiro, editaram em 2008 o seu álbum de estreia através da insuspeita Rastilho Records. O disco chama-se "Endless Times" e nele são visíveis as influências do grupo. Tingido a negro, com vozes coladas aos ídolos de outrora. O tempo retorna para trás quando os escutamos e apesar dos músicos serem indubitavelmente competentes, há algo no seu som que soa a ultrapassado e nos faz ter vontade de preferir os clássicos. Os teclados já foram ouvidos, o timbre vocal tem direitos de autor, as linhas de baixo foram mil vezes entoadas, mas há realmente algo na música dos The Other Side que nos atrai para o abismo que é este tipo de musica. Como Rui Dinis escreveu no seu excelente blogue "A Trompa", "Endless Times abre as portas para um descolar do mais negro e fumarento rock britânico, aproveitando todo um background ávido de crescimento. Ele está lá, haja vontade. Após repetidas audições, fica a ideia de Endless Times ser o álbum que os The Other Side precisavam de fazer, qual exorcismo, qual cruz que carregavam com prazer há algum tempo, como se preparados estivessem também para a largar a qualquer momento. Endless Times é uma boa experiência mas gostávamos de ouvir mais e diferente".

DISCOGRAFIA

WITHOUT MIND [CDR, Edição de Autor, 1999]


ABSENCE AS A STATEMIND [CDR, Edição de Autor, 2004]


FLOATING-WALKING [CDR, Edição de Autor, 2005]


THIS NIGHT [CDR, Edição de Autor, 2007]
REFLECTIONS [CDR, Edição de Autor, 2008]


ENDLESS TIMES [CD, Rastilho Records, 2008]

COMPILAÇÕES


CÍRCULO DE FOGO 06: SELVAGEM [MP3, Círculo de Fogo, 2008]


ENTULHO SONORO 05 [CD, Underworld, 2008]

PRESS
O Outro Lado da Música Portuguesa, Constança Araújo, Elegy Ibérica nº4, 2006

0 comentários: