10 abril 2010

THE WEATHERMAN



The Weatherman é Alexandre Monteiro. Natural da cidade de Vila Nova de Gaia, iniciou o seu percurso musical bastante cedo a cantar num coro de uma escola de música local Esta experiência despertou-o para a música e aos 16 anos fazia já parte de uma banda com amigos que se dedicava a tocar um punk rock melodioso. Nos anos 90 cria os Moo_Vees, grupo que durará seis anos e se revela muito influenciado por algumas bandas britânicas de funk e música independente. Entretanto parece ter encontrado finalmente o seu caminho criativo, a solo. Influências assumidas de bandas como The Beatles ou Beach Boys são detectáveis no disco de estreia "Cruisin' Alaska", editado em Fevereiro de 2006. Há neste trabalho uma visível inclinação para o universo de artistas como Beck, Graham Coxon ou Syd Barrett, conhecidos empreendedores individuais. É um defensor do psicadelismo como meio para o encontro espiritual, estuda Timothy Leary, lê Allen Ginsberg. Do seu imaginário musical, para além de bandas como The Beatles ou Beach Boys, fazem parte também as cantorias Monty Python, as músicas dos Marretas, as bandas sonoras de "Laranja Mecânica", "Jesus Cristo Superstar" e Herbert Von Karajan. O disco de estreia foi produzido por Pedro Chamorra, produtor que o músico conheceu por intermédio da editora. Em plenas gravações do disco, o músico decidiu tirar alguns dias e foi inspirar-se para uma estância de ski em Espanha. Lá chegou à conclusão que a sua inspiração aparece quando pensa em situações imaginárias, mesmo que muitas sejam um aglomerado de experiências pessoais, por isso aproveitou as características do sítio para se imaginar num outro idêntico, mas convenientemente distante: o Alaska. Alexandre Monteiro toca todos os instrumentos no disco. Ao vivo faz-se acompanhar por uma banda de quatro elementos. Em 2009 edita o seu segundo trabalho, agora pela Sublime Impulse, com distribuição da Poptones. Encontramos novamente o psicadelismo aliado a uma pop indie muito britânica. O primeiro single, "Chloe's Hair," atingiu a décima posição no top30 da Antena3. Ainda nesse ano, o projecto grava três promo clips, incluindo um com uma versão de "There's a Light That Never Goes Out" dos The Smiths. Ao puvi-lo, apetece dizer: Sid Barrett não morreu!

DISCOGRAFIA


CRUISIN' ALASKA [CD, Monocromática, 2006]


JAMBOREE PARK AT THE MILKY WAY [CD, Poptones, 2009]


WEATHERMAN [CD, Edição de Autor, 2012]

COMPILAÇÕES


ACORDA! NOVA MÚSICA PORTUGUESA EM MP3 [CD, Cobra Records, 2006]

PRESS
Revelação pop, Eduardo Sardinha, Blitz 1111 de 14-02-2006

0 comentários: