01 maio 2010

THE COVEN



Formados no Seixal em 1987 por To Zé Cerdeira (guitarra) e Sérgio Duarte (voz, futuro reaktor, Sirius), os The Coven foram um grupo de Heavy Metal clássico que teve alguma repercussão em Portugal numa altura em que não eram muitos os projectos dedicados ao género em actividade. Em Setembro de 1987 o grupo vê-se completo no formato de trio com a entrada de Jorge Costa (aka Baquetes). Só mais tarde será admitido um segundo guitarrista - João Matos -, que já havia tocado com o baterista num projecto anterior e um baixista, Eduardo "Osga". O início das apresentações ao vivo dá-se em 7 de Julho de 1988 num concerto realizado numa escola secundária mas a experiência não foi das melhores pois o grupo só teve oportunidade de tocar um tema dadas as más condições existentes em palco. Em Agosto desse ano, Dionisio Duarte assume o papel de manager dos The Coven, promovendo-os eficazmente. Não tardou para que o grupo pudesse apresentar-se ao vivo com maior regularidade e na companhia de grupos do género com estatuto mais consolidado. Em Janeiro de 1989 os The Coven entram nos estúdios Midi com vista à gravação daquela que será a sua primeira demo tape. Durante sete intensas noites registam, sob produção de Manuel Cardoso, seis temas que farão parte da cassette "Into The Future". O trabalho será promovido através de uma mini tour a que chamam "Tour of The Future" e que é feita na companhia dos Alkateya. Em 1990, o vocalista Sérgio Duarte abandona o projecto com vista a iniciar um projecto a solo, facto que acabará por determinar o fim da actividade da banda.

DISCOGRAFIA


INTO THE FUTURE [Tape, Edição de Autor, 1989]

PRESS
Bem-Vindos ao círculo dos The Coven, Pedro Cardoso, Blitz nº235 de 02-05-1989

1 comentários:

Anónimo disse...

Correcção: O Sérgio Duarte nunca pertenceu a Sirius. Foi substituir o irmão Rui Duarte (RAMP) em Re:aktor.

Abr.