31 maio 2011

X-ACTO



Começaram a tocar na Primavera de 1991 com uma formação imbuída do espírito straight edge: Pedro Mateus (baixo), Diogo Mateus (bateria), João Pedro (guitarra) e João Straight (voz). Eram adeptos do veganismo, dos direitos dos animais e da ocupação de casas abandonadas. Passado algum tempo Pedro Dentes veio substituir João Straight na voz, tendo a banda, por essa altura, deixado de partilhar o espírito straight edge, sobretudo porque também entrou um segundo guitarrista, Libelinha, que não tinha qualquer ponto em comum com o movimento. Em 1995, o grupo é obrigado a substituir novamente o vocalista, entrando Rodrigo Barradas que adere ao espírito straight. De seguida trocaram também de guitarrista, saindo João Pedro que é substituído por Paulo Segadães (aka Sega). Mais tarde Libelinha abandona o grupo, sendo substituido por Ricardo. É nessa fase que a banda se assume totalmente como Vegan Straight Edge. Em termos editoriais lançaram em 1992 uma split demo tape "Juntos contra a Tourada" em parceria com os Inkisição, Mentes Podres e Subcaos. No ano seguinte, integram a compilação em vinil "Change Now!" editada pela Slime Records. Tratava-se de um EP onde surgiam também os Subcaos, Corrosão Caótica e Alcoore. É também em 1993 que lançam o seu primeiro CD, "Inkisição/X-Acto" pela mesma editora. 1994 testemunha a edição do EP "Somos uma Só Voz", disco editado pelo selo Rage Records e em 1995 publicam o CD "Força de Intervenção", um split com Alcoore e Human Beans (sendo que esta última banda era formada pelos roadies dos X-Acto). É também nesse ano que lançam o CD "Harmony as One" pela Ataque Sonoro, disco que só no ano seguinte terá sucessão com o split "No Violence/X-Acto" lançado pela Our Voice Records. Durante 1996 editam o CD "Benefit" novamente pela "Ataque Sonoro. Mais uma vez, este trabalho tratava-se de um split com Ignite. Em 1997, lançam o EP "The New Child" com selo partilhado pela Bee Keeper e Ataque Sonoro. O grupo deu por findas as suas actividades em 24 de Julho de 1999, tocando ao vivo pela derradeira vez na Guarda. Todos os seus membros formaram os Sannyasin, grupo que existiu entre 2000 e 2002.

DISCOGRAFIA


SOMOS UMA SÓ VOZ [7"EP, Rage Records, 1994]


HARMONY AS ONE [CD, Ataque Sonoro, 1995]


BENEFICT (c/Ignite) [CD, Ataque Sonoro, 1996]

SPLIT (c/No Violence) [CD, Our Voice Records, 1996]


SPLIT (c/Inkisição) [CD, Slime Records, 1997]


THE NEW CHILD [7"EP, Ataque Sonoro/Bee Keeper, 1997]

COMPILAÇÕES

JUNTOS CONTRA A TOURADA [Tape, Edição de Autor, 1992]


CHANGE NOW [7"EP, Slime Records, 1993]


FORÇA DA INTERVENÇÃO 01 [CD, MDC, 1995]


THIS IS NOT A DAMAGE FANCLUB TRIBUTE [CD, Bee Keeper/Milkshake, 1996]


BOMBENLEGER 24 [CD, Ox Fanzine, 1996]


WE MAY FIGHT A BATTLE THAT CAN´T BE WON [CD, Boislève, 1996]


DRUG FREE YOUTH [CD, Bootleg, 2004]


PORTUGAL ÍNDIO [CDR, Deflagra, 2006]

PRESS
Mens Sana in Corpore Sano, António Pires, Blitz nº 573 de 24-10-1995
Uma Questão de Escolhas, Ana Ventura, Blitz nº 694 de 17-02-1998

0 comentários: